Olá Pessoal! As redes sem fios estão cada dia mais comuns ai vão sete dicas para melhorar sua rede sem fios em casa ou no escritório

Uma rede WiFi básica pode ser montada rapidamente em sua residência ou escritório. Porém, muitos proprietários de imóveis não estão cientes de todas as opções disponíveis para tornar sua rede melhor. Considere as idéias descritas neste artigo que podem melhorar a capacidade, o desempenho e a segurança de sua rede sem fios de sua casa ou escritório.

1) Muitos proprietários de imóvel ouviram falar de equipamentos básicos de WiFi, como roteadores e placas de redes Wireless. Há uma verdadeira explosão de novos modelos de roteadores e adaptadores que vêm expandindo os limites de velocidade e recursos como firewall, gerenciamento remoto, servidor web e muito mais. O equipamento pode precisar ser substituído por modelos mais rápidos, mais confiáveis e mais compatíveis. As pessoas também esquecem de considerar algumas das novas aplicações de redes sem fio, tais como os servidores de impressão sem fio. Em vez de se conformar com uma rede sem fios de segunda linha, faça uma pesquisa e adquira o material certo a um bom preço.

2) Algumas pessoas se apressam em montar sua rede Wireless e depois de pronta percebem que algumas áreas do prédio não são atendidas. Outros até conseguem fazer a rede funcionar corretamente, mas de repente, ao atender um telefone sem fio ou ligar o microondas a rede trava. Outros ainda sofrem em silêncio com uma rede de fraco desempenho, mas corrigir esses problemas pode ser muito simples, muitas vezes bastando mudar a posição do Access Point para um ponto mais alto e central dentro do prédio.

Leia Também:   Como descompactar um arquivo “.rar” no Android

3) Os equipamento WiFi podem transmitir vários canais diferentes. A maioria dos roteadores e Access Points funcionam no mesmo número de canal programado de fábrica, competindo pelo mesma faixa de frequência, e a maioria das pessoas nem mesmo sabe que podem mudar isso. Porém, se você estiver enfrentando interferência de outros equipamentos sem fios, simplesmente mudar o canal WiFi já pode resolver o problema em definitivo.

4) Os roteadores Wireless contêm trechos de software embutidos chamado firmware. Uma versão desse firmware é instalada no roteador pelo fabricante, e este trabalha normalmente bem quando o dispositivo é instalado inicialmente. Porém, muitos roteadores oferecem também atualizações periódicas de firmware que oferecem novos recursos. Atualizar o firmware pode melhorar o desempenho, aumentar a segurança e melhorar a confiabilidade do equipamento. À medida que passa o tempo, mantenha o firmware de seu roteador e adaptador atualizado periodicamente.

5) Não importa em que parte de sua residência ou escritório o Access Point esteja instalado, às vezes o sinal da rede sem fios simplesmente não será forte o bastante. A probabilidade desse problema aumenta à medida em que aumentam as distâncias e o número de obstruções como paredes de tijolo entre o roteador e um cliente WiFi. A melhor maneira de resolver este problema é melhorar a antena do Access Point. Alguns Access Points não suportam esta opção, mas os com antenas destacáveis suportam. Outra opção envolve instalar um dispositivo adicional chamado repetidor, mas envolve perda de desempenho.

6) Você pode ajustar a potência do sinal emitido pelo Access Point, aumentando ou reduzindo o nível de sinal de acordo com sua necessidade. O mesmo se dá com os adaptadores WiFi. Geralmente os Access Points vêm de fábrica com 75% de sua potência de transmissão.

Leia Também:   Apagando as linhas e bordas de sua planilha

7) Muitos proprietários de imóveis consideram sua rede sem fios um sucesso quando o compartilhamento da conexão à Internet funciona. Porém, se as funções de segurança não forem habilitadas outras pessoas podem usar sua conexão sem que você sequer saiba disso. Por isso, ative os recursos de criptografia de seu Access Point e dos adaptadores de rede WiFi.

Seguindo essas dicas você poderá tirar o máximo de sua rede Wireless em sua casa ou escritório.

Retirado de http://www.malima.com.br/article_read.asp?id=158